Campo GrandeNoticias

Comerciantes e trabalhadores comemoram recapeamento da Avenida Mato Grosso

A expectativa tanto dos lojistas como dos profissionais que trabalham no comércio da avenida é positiva

As obras de recapeamento da Avenida Mato Grosso, uma das principais vias de acesso da Capital, estão próximas de serem finalizadas. Até o momento, 60% dos trabalhos estão concluídos e a previsão é da entrega final até o término do mês de outubro deste ano.

 A vendedora Isadora vê com otimismo o recapeamento da avenida Mato Grosso do Sul

A expectativa tanto dos lojistas como dos profissionais que trabalham no comércio da Avenida Mato Grosso é positiva. É o caso da vendedora de uma ótica, localizada entre as ruas Rui Barbosa e Treze de Maio, Isadora Angela da Silva Alves, que trabalha no local há mais de um ano. “Na verdade qualquer obra que mexe com asfalto valoriza mais os imóveis, o fluxo de carros, facilitando para as pessoas chegarem até a loja. Já melhorou bastante”.

O deslocamento até o trabalho melhorou muito, após as obras – avalai a vendedora Jennifer

Para a vendedora de uma loja de cosmético, Jennifer Luana  da Silva Barbosa, o trajeto para casa ficou bem melhor após o recapeamento. “Para vir ao trabalho eu pego a Mato Grosso desde a Via Park. Está ótimo desse jeito, melhorou bastante, há muitos anos estávamos esperando essa obra. Além disso, para os clientes melhorou para parar”.

O comerciante Josino Florenço da Silva tem uma empresa de prestação de serviços há mais de 30 anos no local. “O asfalto aqui estava péssimo, com certeza o recapeamento valoriza meu comércio”.

O comerciante Josino Florenço da Silva atua no local há mais de 30 anos e comemora as obras

Sobre a obra

No valor de R$ 4,5 milhões, a revitalização terá custo de R$ 759 mil o quilômetro – valor 14% menor do que o previsto inicialmente, de R$ 883 mil. Serão reconstruídos quase seis quilômetros da via, nos trechos de ida e volta entre a Rua Calógeras e Avenida Ceará.

O projeto de reconstrução prevê a instalação de asfalto de qualidade e longa durabilidade, fatores que prometem dar mais segurança no trânsito de uma das vias mais movimentadas da cidade.

Ana Brito, Subcom

Fotos: Chico Ribeiro

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo