Câmara Municipal

Em hipótese alguma podemos falar em fechamento do comércio”, diz Delegado Wellington sobre segunda onda de COVID-19

Durante sessão ordinária desta terça-feira (24), o vereador Delegado Wellington (PSDB), mais uma vez defendeu os comerciantes e a manutenção dos postos de trabalho diante da nova onda de COVID-19 em Campo Grande.

“Já se começa a cogitar o fechamento do comércio na Capital. Em hipótese alguma podemos falar em fechamento do comércio. A pandemia já nos ensinou que devemos manter todos os segmentos abertos com medidas de biossegurança, como álcool, uso de máscaras e distanciamento, além de fiscalização da prefeitura. Durante a campanha eleitoral tudo se podia e agora estão cogitando fechamento. Isso é inadmissível”, disse o parlamentar.

Além disso, Delegado Wellington destacou a necessidade da retomada de empregos perdidos na pandemia, principalmente às vésperas do fim do ano.

“Temos que estar preocupados e trabalhando para geração de emprego e renda, se fechar o comércio a cidade quebra, estamos diante de uma crise econômica e de falta de empregos. Estamos próximos das festividades natalina e precisamos garantir um final de ano bom para todos”, completou o parlamentar.

Medidas de restrição em Campo Grande

A prefeitura de Campo Grande, após reunião com lojistas e ministério público decidiu pela retomada do toque de recolher na Capital, de meia-noite às 5h, a partir de amanhã. A medida vai durar 15 dias e pode ser renovada conforme o número de casos. Também serão feitas blitze educativas a partir de 1h.

A justificativa é de que ainda há mais de 50 leitos disponíveis para atender pacientes com covid-19 em Campo Grande. Mas a prefeitura garantiu que colocará o triplo de equipes nas ruas para fiscalizar a lotação dos comércios e cumprimento de medidas de biossegurança.

Assessoria de Imprensa do Vereador 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo