MSNoticias

Resultado do Governo Presente, pavimentação urbana avança em Vicentina

Município já recebeu 200 moradias e tem mais 10 em construção

Como resultado do levantamento das principais necessidades dos municípios, Vicentina está recebendo pavimentação e drenagem em diversas ruas.

As obras de R$ 2,163 milhões estão em 43,9% e são realizadas nas ruas Américo Brigatti, Élcio Carlos Porto, Minervino Ribeiro da Silva, Professor Bernardo Baur, Projetada e Weimar Gonçalves Torres e no Distrito de Vila Rica. Mais R$ 700 mil deverão ser investidos por meio de convênio com a prefeitura na infraestrutura urbana do município.

O Governo de Mato Grosso do Sul também já entregou recapeamento, pavimentação e drenagem de outras vias do município e também da Vila Rica, em um investimento de R$ 1,945 milhão; além da recuperação de estradas vicinais, no valor de R$ 1,475 milhão.

Sonho realizado

Doraci Cavalcante Xavier e neta

Casas tem 43,54 m²

No ano passado, a dona de casa Doraci Cavalcante Xavier, de 65 anos, se emocionou ao receber as chaves da casa própria. Ela foi uma das 200 famílias já contempladas no loteamento Altos do Barreirão I e II, em 2017 e 2019.

Pagando aluguel há 40 anos, ela aguardava essa oportunidade. “Eu nunca perdi a esperança e agora fui contemplada. Não tem como não ficar emocionada”, falou.

A casa possui dois quartos, sala, cozinha, banheiro, forro PVC, sistema de aquecimento solar, totalizando 43,54 metros quadrados de construção. A infraestrutura externa conta com pavimentação asfáltica, iluminação pública e drenagem.

O investimento foi de R$ 13 milhões, sendo R$ 1,899 milhão de contrapartida do Governo do Estado. Além disso, mais 10 casas estão em construção pelo Programa Nacional de Habitação Rural. A obra está em 89,19% e a previsão de entrega é março de 2021.

Todos esses investimentos, segundo o governador Reinaldo Azambuja, são resultados de um trabalho que envolveu medidas duras e até impopulares. “Fizemos um governo responsável, diminuímos o tamanho da máquina pública, reduzimos os gastos com o próprio governo para investir no bem estar da população, fizemos as reformas e enfrentamos crises sem deixar de honrar nossos compromissos. Isso nos permitiu manter os investimentos nas áreas prioritárias e lançar o Governo Presente, que até o fim de 2022 vai injetar mais R$ 4,2 bilhões nos 79 municípios de Mato Grosso do Sul”, finalizou Reinaldo Azambuja.

Paulo Fernandes, Subcom

Fotos: Edemir Rodrigues

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo