NoticiasSaúde

Covid-19: país tem 42,8 mil novos casos e 964 novas mortes registrados

Número de casos ficou abaixo da média da última semana

Boletim divulgado hoje (15) pelo Ministério da Saúde mostra que foram registrados 42.889 novas infecções por covid-19 e 964 mortes pela doença em todo o país desde ontem.

Situação epidemiológica da covid-19 no Brasil 15/12/2020 – 15/12/2020/Divulgação/Ministério da Saúde

Em relação ao número de casos, o patamar ficou abaixo da média da última semana, com mais de 50 mil novos diagnósticos positivos em quatro dias.

Já se consideradas as novas mortes registradas, este número se aproxima do patamar de 1000 novos casos notificados por dia, como ocorreu em diversas datas no mês de setembro.

Desde o início da pandemia, 6.970.034 pessoas foram infectadas pelo novo coronavírus. Ontem, as estatísticas do Ministério marcavam 6.927.145 casos acumulados. Neste ritmo, o Brasil pode bater os sete milhões de casos acumulados ainda nesta semana.

Com as quase mil novas mortes registradas por covid-19 desde ontem, as vidas perdidas para a pandemia somaram 182.799. Ainda há 2.394 falecimentos em investigação.

Conforme a atualização do órgão, há 719.373 pacientes em acompanhamento. No total, 6.067.862 pessoas se recuperaram da doença.

Normalmente, os casos são menores aos domingos e segundas-feiras em função da dificuldade de alimentação pelas secretarias estaduais de saúde. Já às terças-feiras, eles podem subir mais em função do acúmulo de registros atualizado.

Estados

A lista dos estados com mais mortes pela covid-19 é encabeçada por São Paulo (44.282), Rio de Janeiro (23.887), Minas Gerais (10.719), Ceará (9.802) e Pernambuco (9.324). As Unidades da Federação com menos óbitos pela doença são Acre (755), Roraima (761), Amapá (854), Tocantins (1.206) e Rondônia (1.655).

O Ministério da Saúde informou que o governo do Amapá teve dificuldades na alimentação, não conseguindo atualizar seus dados, razão pela qual o número no balanço permaneceu igual ao de ontem.

Edição: Aline Leal

Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil – Brasília

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo