Campo Grande

Unidades de saúde terão melhorias na acessibilidade a pessoas com dificuldade de locomoção

Ao todo, para a adequação das cinco unidades serão investidos R$ 194.021,20

Cinco unidades de saúde da Capital irão passar por melhorias para dar um melhor atendimento à população com dificuldades de locomoção e deficiências físicas.

Em três destas unidades, a USF Azaléia, USF Marabá e USF Três Barras, que fica na área rural, as Ordens de Serviço já foram assinadas e a previsão de início das adequações é para ainda nesse primeiro semestre. 

Também passarão por melhorias as USF Rochedinho e Anhanduí, que ficam nos distritos de mesmos nomes. As alterações nos locais atendem uma recomendação do Ministério Público Estadual, que ressaltou a importância de readequar os locais para facilitar o atendimento de toda a população. 

“São unidades mais antigas, que foram inauguradas em um período onde não havia tanta preocupação em evitar escadas e colocar apoios para pessoas com dificuldades motoras, como idosos e pessoas com deficiência. Hoje, todas as unidades que são construídas ou reformadas no município, contam com essa acessibilidade, e aquelas que ainda não passaram por esse processo, também serão readequadas”, explica o Secretário Municipal de Saúde, José Mauro Filho. 

Ao todo, para a adequação das cinco unidades serão investidos R$ 194.021,20 em recursos do Ministério da Saúde, Emendas Parlamentas, Tesouro Municipal e valores advindos da contribuição da população. 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo