Esportes

Sport | Sub-15 tenta chegar na final e Sub-17 pode levantar o troféu na Ilha


A quarta-feira será de decisão para a base rubro-negra. Lutando pelos bicampeonatos estaduais nas categorias Sub-15 e Sub-17, o Leão terá os jogos de volta de semifinal e final, respectivamente. Após duas vitórias frente ao Náutico, o Rubro-Negro joga pelo empate para garantir vaga na final no 15 e levantar a taça de campeão no 17. Um dia decisivo de emoção e fibra, do jeito que a torcida do Sport gosta de sentir e vivenciar constantemente.

Sub-15: Goleada não garante nada 

O primeiro jogo da quarta-feira será logo pela manhã. Às 9h30, no Estádio dos Aflitos, os Leões da Base visitam o Náutico depois de ter goleado o rival na primeira partida por sonoros 5 a 1, tendo feito o resultado em apenas 45 minutos. Mas, para quem acredita que o placar largo já assegura o Rubro-Negro na final, o regulamento do Estadual diz o contrário. É que se o Náutico vencer o duelo, seja por qualquer placar, a decisão acabará nos pênaltis. Até por isso, o técnico Luan Moreira espera um time ligado, entrando em campo como se estivesse tudo empatado.

“Construímos um bom resultado no jogo de ida, que nos possibilita um empate para garantirmos a vaga na final. Sabemos das dificuldades que iremos encontrar, mas estamos preparados para encará-las, ciente que o regulamento da competição não nos deixa cômodos mesmo depois de um primeiro placar elástico.”

Sub-17: Desejo de levantar o troféu na Ilha!

Melhor time do Estadual em todos os números e estatísticas, o Sport levantará o troféu de campeão na Ilha do Retiro caso mantiver a invencibilidade que carrega desde o início da competição. Invicto em todos os jogos que fez até aqui, com um ataque de boas ideias e uma defesa muito consistente, o último treino foi de bastante foco e concentração, com discurso pregado de respeito ao adversário, um rival local tradicional e que possui uma equipe de qualidade.

“É o nosso quinto mata-mata da temporada. Jogamos prevalecendo tudo aquilo que trabalhamos constantemente para construir no sentido de comportamento de jogo, com uma equipe coesa, bem posicionada e que busca sempre o gol. O fato de poder ser campeão e ter a vantagem de ter vencido na casa do adversário não pode mudar em nada os nossos padrões de jogo. Pelo contrário, temos que aumentar ainda mais a concentração e o foco para lidar com um adversário de qualidades coletivas e individuais. Acredito em um grande clássico e espero poder valer o nosso mando para conquistarmos esse título em nossa casa.”

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo