MS

Equipe da Sefaz participa de maratona internacional para inovação do setor público

Com uma proposta inovadora para construção de uma rede de líderes disruptiva, engajada e conectada atuando na gestão pública, representantes da Secretaria Estadual de Fazenda (Sefaz-MS) participaram do iLabthon, primeira maratona internacional para a criação de laboratórios de inovação no setor público.

De acordo com o Gestor da Unidade de Capacitação da Sefaz, Auditor Fiscal da Receita Estadual Esaú Rodrigues de Aguiar Neto, participaram do evento 259 equipes, oriundas de 22 unidades da Federação e de quatro países diferentes.  O time SQUAD, formado por Esaú mais os trainees em Gestão Pública pela Vetor Brasil alocados no Governo do Estado, Luísa Tristão Barbosa e Daniel Santana, foi muito bem avaliado na maratona internacional.

“De extrema importância nossa participação na primeira maratona internacional de inovação no serviço público, tanto a título de conhecimento e experiência, quanto para trazer essa expertise para nossa gestão. Pudemos ter contato com dezenas de mentores especialistas, que ajudaram os servidores públicos a tirar suas ideias do papel e desenvolverem projetos possíveis de implementação nas suas instituições”, relatou Esaú.

A proposta apresentada pela SQUAD durante o iLabthon nasceu do trabalho desenvolvido pela equipe junto ao Profisco II, programa de incentivo criado pelo BID – Banco Internacional de Desenvolvimento, que tem como objetivo apoiar a modernização da gestão fazendária, o aperfeiçoamento da administração tributária e da gestão do gasto público nos estados brasileiros.

“No Mato Grosso do Sul, nós somos responsáveis pelo produto “Gestão Estratégica de Pessoas”, no qual temos aproximadamente 1,4 milhões de dólares para investir em planos de capacitação baseado em competências. A partir da disponibilidade desse recurso, passamos a investigar quais as maiores lacunas no contexto da gestão de pessoas. Assim nasceu a possibilidade da implementação de um laboratório de inovação, o Lidera.Lab, voltado ao desenvolvimento de talentos”, contou Luisa.

Conforme o grupo, a partir de rodas de conversa e aplicação de diagnóstico organizacional, foi possível perceber a fragilidade do papel da liderança no governo. “Muitas vezes, os líderes desempenham papéis de executores e de controle, e não atuam no desenvolvimento e engajamento de suas equipes. Assim, pensamos na criação de um lab de inovação voltado ao desenvolvimento de lideranças, algo como uma fábrica de líderes”, reforçou Daniel.

O foco é fazer com que essas lideranças se tornem disseminadoras de inovações em suas equipes. “Nossa equipe foi formada com o intuito de unir a experiência e a energia de um olhar inovador. Fazer parte da mudança que queremos para o governo é o que nos move”, finalizaram os trainees.

O iLabthon

Nos moldes de um Hackathon – eventos que reúnem desenvolvedores de software, designers e outros profissionais relacionados à área de programação, com o intuito de em um período curto de tempo criarem soluções inovadoras para algum problema específico – o evento foi realizado 100% online, com foco na criação de laboratórios de inovação para o setor público

Durante o iLabthon, os grupos tiveram a missão de desenvolver um projeto para a criação de um laboratório de inovação, com condições favoráveis para que ela ocorra, por meio de ambientes criativos e colaborativos. Além da competição, os encontros reuniram palestras, workshops e uma série de perguntas e respostas a respeito do tema do evento.

Os participantes puderam trocar experiências e discutir estratégias com foco nas limitações impostas pela crise sanitária e econômica; serviços que possam ser oferecidos com qualidade; estrutura necessária para que o laboratório tenha sustentabilidade; geração de aprendizagem contínua e cultura de inovação; e a forma de comunicar aos envolvidos para otimizar o padrão dos serviços públicos prestados.

O evento foi realizado no último final de semana, entre os dias 29 e 31 de janeiro de 2021. A iniciativa foi promovida pela Rede Conexão Inovação Pública, do Rio de Janeiro, cujo objetivo é fomentar e divulgar a inovação no setor público.

Diana Gaúna, Sefaz
Foto: Sefaz

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo