Polícia

PMA de Miranda realiza fiscalização fluvial e apreende vários petrechos ilegais como espinhéis, boias e 82 anzóis de galho no rio Miranda


Campo Grande (MS) – Ontem, desde pela manhã, até hoje (15) no final da manhã, Policiais Militares Ambientais de Miranda, que trabalham na operação piracema, realizaram fiscalização no rio Miranda, nas regiões do Salobra, Gravi e Maria do Rosário, ida e volta, e felizmente não encontraram nenhum pescador no rio, indicando que há um respeito ao período de proibição, porém, foram encontrados e retirados do rio diversos petrechos ilegais de pesca. Duas cordas de espinheis, cada uma com 15 anzóis, 11 boias (cavalinhos) e mais 82 anzóis de galho foram cortados e apreendidos.

(Retirada de petrechos)

Os proprietários dos materiais ilegais não foram encontrados, porém, a PMA continuará em fiscalização preventiva, fundamental para evitar a depredação dos cardumes, especialmente, com uso desses tipos de petrechos ilegais que possuem alto poder de captura.

Uma das maiores preocupações da PMA na prevenção à pesca predatória, especialmente no período de piracema, é a retirada dos rios de petrechos de pesca proibidos que são armados por infratores, principalmente as redes de pesca, os espinheis, boias e anzóis de galho, devido ao alto poder de captura e depredação de cardumes, apesar da dificuldade de se prender os autores devido ao pouco tempo de exposição para armá-los nos rios e normalmente à noite.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Publicado por: Ednilson Paulino Queiroz

Fonte: PM MS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo