Câmara Municipal

Na tribuna, Vereador Otávio Trad anuncia retomada do Centro de Interpretação de Libras

O Centro de Municipal Interpretação de Libras (Língua Brasileira de Sinais), criado pela Lei 6.341/19, deverá ser inaugurado neste ano. O autor do projeto, vereador Otávio Trad (PSD), usou a tribuna da Câmara Municipal na sessão desta quinta-feira (4) para anunciar a retomada da implantação da central.

O parlamentar destacou o empenho para a implementação da proposta. “Iniciamos uma trajetória árdua, sempre com o apoio do prefeito Marquinhos Trad, para transformar esse projeto em realidade. Em 2020 tivemos um baque com a pandemia e infelizmente a legislação eleitoral também restringiu a realização da seleção, mas agora em 2021 temos essa notícia que marcará a história da acessibilidade em Campo Grande”, disse.

Conforme o vereador, o edital do processo seletivo simplificado para a contratação de tradutor e intérprete de Libras foi publicado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta quarta-feira (3) e prevê a contratação de quatro tradutores e intérpretes, além de cadastro reserva. As inscrições online podem ser feitas nesta quinta e sexta-feira (4 e 5) no site da Prefeitura.

Em sua fala, o vereador Papy (Solidariedade) ressaltou a importância do Centro para a garantir o acesso à comunicação. “Toda a Casa de Lei foi sensível à causa da pessoa surda. É muito complexo a falta de acessibilidade para as causas mais corriqueiras da vida. Quando uma pessoa surda sofre um acidente, como ele consegue se comunicar? Como uma pessoa surda chega a um posto de saúde e diz ao médico que é alérgico? Ela não consegue se comunicar por isso esse projeto é de fundamental importância”, afirmou.

CMILCG – O Centro Municipal de Interpretação de Libras terá como objetivo facilitar a comunicação entre as pessoas surdas ou com deficiência auditiva e os servidores municipais que atuam, diretamente, com o atendimento ao cidadão.

O atendimento na central será feito com o auxílio do intérprete de Libras, que irá intermediar o diálogo entre surdos e pessoas com deficiência auditiva e o servidor municipal por meio de transmissão de vídeo ao vivo. Também haverá a disponibilidade de solicitar o acompanhamento do intérprete de Libras mediante agendamento.

A ideia da criação de uma central surgiu para atender uma demanda da comunidade surda de Campo Grande apresentada pelo presidente da Associação de Famílias, Amigos, Profissionais e Pessoas Surdas de Mato Grosso do Sul (AFAPSMS), Adriano Gianotto.

#PraCegoVer: Fotografia. Vereador Otávio Trad, visto da cabeça até a cintura, de máscara azul, camisa e gravata branca e terno preto, falando na tribuna do Plenário sobre o Centro de Interpretação de Libras. Ao seu lado direito a intérprete de Libras, Helga, vista da cabeça até a cintura de máscara, blusa e blazer preto, fazendo a tradução. Ao fundo uma parede azul. Fim da descrição.

Assessoria de Imprensa do Vereador

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo