Campo GrandeNoticias

Prefeitura cede médicos e amplia leitos para reforçar atendimento e desafogar hospitais

Diante do aumento no número de internações registrado nos últimos dias no Município, a Prefeitura de Campo Grande viabilizou a cedência, de maneira emergencial, de mais profissionais para reforçar o atendimento em hospitais e ampliou o número de leitos de terapia intensiva (UTI) e de retaguarda destinados a pacientes do SUS.

Nesta semana, já foram designados mais quatro médicos contratados pelo Município para atender no Hospital Rosa Pedrossian (HRMS). O hospital já conta com 15 profissionais cedidos pela Prefeitura de Campo Grande, entre fixos e plantonistas.

A expectativa é de que ao longo da semana mais profissionais convocados no processo seletivo de contratação temporária sejam direcionados à unidade hospitalar. No último chamamento, foram 106 médicos convocados pelo Município.

Novos leitos

Nesta quarta-feira (10), Campo Grande passará a contar com um total de 29 novos leitos, com abertura de mais 10 leitos de UTI no Hospital Adventista do Pênfigo.  Já foram disponibilizados até o momento 12 leitos de UTI exclusivos para atendimento SUS na Clínica Campo Grande e sete leitos semicríticos para retaguarda no Hospital de Câncer Alfredo Abrão.

Essa ampliação será fundamental para desafogar o HRMS, que é referência no tratamento de pacientes com Covid-19.  Somente ontem (08),  foram remanejados oito pacientes do hospital, com a abertura destes novos leitos. Com as ativações recentes, o Município passará a contar com 324 leitos de UTI para atendimento de todas as patologias.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo