Campo GrandeNoticias

Transformação da rui barbosa vai garantir mais segurança na área central

Aos moldes da requalificação da Rua 14 de Julho, a revitalização da Rui Barbosa  vai receber um reforço na segurança de quem transitar pela via, com a instalação de câmeras de videomonitoramento

Aos moldes da requalificação da Rua 14 de Julho, a revitalização da Rui Barbosa  vai receber um reforço na segurança de quem transitar pela via, com a instalação de câmeras de videomonitoramento. Somando-se às ruas transversais, o quadrilátero que vai da Avenida Fernando Corrêa da Costa até a Avenida Mato Grosso, e da Avenida Calógeras até a Rua José Antônio, perímetro que faz parte do chamado microcentro e será revitalizado através do Programa Reviva Campo Grande, vai receber cerca de 130 equipamentos. Eles serão instalados nos cruzamentos das vias.

De acordo com o secretário Especial de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja, os equipamentos são essenciais na redução da criminalidade, principalmente dos furtos de motocicletas, já que os criminosos se sentem mais intimidados até mesmo com a sinalização de que é um ambiente monitorado.

“As imagens captadas podem servir como provas de crime, ajudam na investigação e também auxiliam na elucidação de acidentes e identificação dos culpados. Já tivemos várias prisões em flagrante por furtos, especialmente de motocicletas, pois, as imagens são requisitadas na investigação”, explica Valério.

Além disso, o secretário assegura que existem equipes da Guarda Civil Metropolitana preparadas para ação imediata, caso os crimes sejam captados pelas câmeras, o que auxilia na prisão dos responsáveis.

A presidente do Conselho de Segurança da Região Central, Heloisa Cury, tem uma boa expectativa em relação à ampliação do sistema de segurança, pois, de acordo com ela, isso proporcionará tranquilidade e será uma colaboração com o trabalho do policial.

“Isso vai diminuir o índice de violência e atenuar o tráfico de formiguinha. Por exemplo, na região da antiga rodoviária, depois que colocaram as câmeras, a evasão de pessoas usuárias de substâncias químicas como álcool e droga, o que melhorou para o Bairro Amambai e para os comerciantes”, relembra Heloisa.

Revitalização

A Rua Rui Barbosa é considerada o maior corredor de mobilidade urbana da cidade e, com as mudanças, será o mais moderno e tecnológico, pois, além das câmeras de segurança, a via receberá fibra óptica, wifi gratuito e semaforização inteligente.

Dentre as melhorias previstas, ainda estão: acessibilidade universal, recapeamento asfáltico, padronização das calçadas, paisagismo, microdrenagem e iluminação em LED. As obras vão percorrer um trecho de, aproximadamente, sete quilômetros, desde a Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) até a Avenida Rachid Neder, e são financiadas pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

De acordo com Neila Janes Viana, 1ª vice-presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Mato Grosso do Sul (CAU-MS), a revitalização da Rui Barbosa é fundamental justamente por ser uma importante via de Campo Grande e ainda fazer parte do trajeto da maioria das linhas de ônibus que passam pelo centro da cidade. “A requalificação vai promover melhor mobilidade, qualidade do espaço público, acessibilidade, padronização das calçadas para facilitar para os pedestres”, explica.

A arquiteta ainda lembra que as melhorias trazidas pelo Reviva Campo Grande também são importantes no aspecto econômico, uma vez que as pessoas ficarão mais atraídas para ir ao centro, o que vai movimentar o comércio local. “São situações que, associadas a outras melhorias que estão acontecendo e que já aconteceram na 14 de Julho, tornarão o centro de Campo Grande muito mais atrativo e qualificado para receber as pessoas”, pontua Neila.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo