Polícia

Governo anuncia vacinação dos profissionais da Segurança Pública


Campo Grande (MS) – O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul anunciou na manhã de hoje (31.03), mais um importante passo na imunização do povo sul-mato-grossense. A vacinação contemplará os profissionais da segurança pública.

Policiais Militares, Civis, Federais, Bombeiros Militares, Agentes Penitenciários, Policiais Rodoviários Federais e Guardas Municipais, que têm atuado no combate direto, irão receber as primeiras doses já a partir da próxima sexta-feira (02.04.2021).

A proposta de inclusão desses profissionais no Programa Nacional de Imunização (PNI), anunciada pelo Secretário Estadual de Saúde de MS, Geraldo Resende, foi aprovada na terça-feira (30) na CIT (Comissão Intergestores Tripartite), órgão colegiado que reúne Secretários Estaduais e Municipais de Saúde e Ministério da Saúde.

Os imunizantes devem chegar ao Estado na quinta-feira (01/04), e a Secretaria de Estado de Saúde (SES) irá separar o percentual para que, segundo cálculo, em torno de 12 mil profissionais da segurança pública sejam beneficiados.

A Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul recebe com júbilo a informação do início da imunização dos seus agentes. A PMMS, pela natureza do serviço prestado à população, se manteve firme, protegendo a sociedade no cumprimento seu dever constitucional, de propagar a paz e manter a ordem pública por todo o Estado.

A PM também tem atuado nas barreiras sanitárias e como parceira dos órgãos de saúde, fazendo as escoltas dos imunizantes aos locais de vacinação, por entender a importância e urgência deste grande impulso rumo ao reestabelecimento da normalidade.

Os policiais militares que trabalham em Campo Grande devem acessar o link http://vacina.campogrande.ms.gov.br/ a partir de amanhã (01.04), e realizar o pré-cadastro no campo destinado aos servidores da segurança pública. Já os PMs lotados no interior do Estado devem procurar seus comandantes imediatos, para maiores informações sobre o calendário vacinal de cada município.

Lembramos que o número de doses será equacionado, de modo que o policial militar receba imunização no município onde trabalha. No dia da vacinação será obrigatória a apresentação de documentos de identificação funcional ou holerite, e o número do cartão do SUS.

Segundo Governador do Estado, “O lema é vacina que chega é vacina no braço e não na geladeira. Neste momento é o nosso antídoto contra o vírus, mas enquanto ela não chega em grande volume, precisamos continuar com as prevenções e medidas restritivas para voltarmos o quanto antes a vida normal. Por isso reforçamos o pedido para evitar aglomerações e cada um fazer sua parte”, afirmou.

Sem dúvidas o início da vacinação de mais um segmento da sociedade, os quais estão contidos os órgãos vinculados à segurança pública, representa um amplo avanço no combate à pandemia por coronavírus.

Nós continuaremos trabalhando no combate direto, diuturnamente, nos 79 municípios do Estado, para levar segurança à população sul-mato-grossense.

Assessoria de Comunicação Social da PMMS

Publicado por: Lucas Silva de Moraes

Fonte: PM MS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo