Polícia

Polícia Militar Ambiental de Três Lagoas autua dois paulistas em R$ 2,5 mil por pesca ilegal e apreende barcos, motores e petrechos ilegais de pesca


Campo Grande (MS) – Durante fiscalização fluvial no rio Sucuriú, Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas autuaram dois pescadores, residentes no estado de São Paulo por pesca ilegal. A equipe localizou o primeiro infrator ontem (27) à tarde, na região conhecida como Salto Laranjal, no município, em uma embarcação, nas proximidades de onde estavam armadas diversas boias de garrafas plásticas (joão-bobo – de garrafas PET, com anzóis), petrecho proibido para a pesca em Mato Grosso do Sul. Ele confessou que acabara de armar os petrechos ilegais e não havia capturado nenhum pescado ainda. 12 boias, um motor de popa e um barco foram apreendidos.

Boias de garrafas plásticas com anzóis armadas no rio.

O infrator, de 33 anos, residente em Guararapes (SP), responderá por crime de pesca predatória. A pena é de um a três anos de detenção. Ele também foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 2.500,00.

No mesmo rio, porém, no município de Brasilândia, outro pescador amador (52) foi autuado por pescar sem licença ambiental. Ele pescava embarcado e não havia capturado pescado ainda. O barco, um motor de popa e uma carretilha com vara foram apreendidos. Os policias efetuaram auto de infração administrativo e aplicaram multa no valor de R$ 500,00 contra o autuado, residente em Presidente Prudente (SP). A pesca sem licença não é crime ambiental.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Publicado por: Ednilson Paulino Queiroz

Fonte: PM MS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo