Polícia

Polícia Militar Ambiental de Três Lagoas realiza fiscalização no rio Sucuriú e apreende rede de pesca com ajuda da população e solta peixes do petrecho ilegal


Campo Grande (MS) – A população tem ajudado muito ao denunciar o uso de petrechos ilegais nos rios, que é uma das maiores preocupações da PMA na prevenção à pesca predatória, que é evitar o uso, ou fazer a retirada dos rios, quando não consegue prender os criminosos, de petrechos de pesca proibidos que são armados por infratores, principalmente as redes de pesca, os espinheis, boias e anzóis de galho, devido ao alto poder de captura e depredação de cardumes, apesar da dificuldade de se prender os autores devido ao pouco tempo de exposição para armá-los nos rios e normalmente à noite.

Hoje (14), durante fiscalização fluvial no rio Sucuriú, entre o balneário público e a foz do córrego Periquito, os Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas receberam denúncias de moradores, de que na região dos ranchos de lazer, nas probidades da ponte da BR 158, a 20 km da cidade, pessoas haviam armado uma rede de pesca de grande dimensão no rio.

A equipe foi ao local e fez a retirada e apreendeu a rede de pesca, medindo 100 metros, objeto da denúncia. Os proprietários dos materiais não foram localizados. Alguns peixes que estavam presos ao material foram soltos no rio.

(Retirada de rede)

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Publicado por: Ednilson Paulino Queiroz

Fonte: PM MS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo