Polícia

População toma conhecimento da operação Prolepse de prevenção aos incêndios, denuncia e PMA de Bonito autua professor por incêndio em terreno baldio


Campo Grande (MS) – A Polícia Militar Ambiental deflagrou na semana passada a operação “Prolepse” de prevenção aos incêndios em Mato Grosso do Sul, com foco especial na região do Pantanal e, dentro dos trabalhos, os incêndios urbanos também são preocupantes e a sua prevenção e combate é uma das metas da operação. A grande vantagem é que, apesar de o foco da operação ser a informação e prevenção, a repressão funciona também como um fator de dissuasão às infrações e a população, depois de tomar conhecimento pela imprensa da operação da PMA, tem denunciado constantemente e várias pessoas têm sido autuadas.

Ontem (25) no final da tarde, os Policiais Militares Ambientais de Bonito receberam denúncias de moradores, versando sobre queima de resíduos sólidos e vegetação ao ar livre em perímetro urbano, à rua Projetada. Uma equipe compareceu ao local e encontrou o denunciado, um professor, que assumiu a responsabilidade e autoria do incêndio denunciado, de restos de galhadas e vegetação gramínea e arbustiva que ele havia limpado em um terreno, causando muita fumaça e transtornos aos vizinhos.

Ele afirmou aos Policiais que adquiriu há pouco tempo a propriedade e executava a limpeza e não sabia que havia proibição da queima para a limpeza. O professor foi orientado sobre as normas e os prejuízos ao ambiente e à população, como os seus vizinhos prejudicados, que efetuaram a denúncia. A PMA ordenou e auxiliou o autor na extinção do fogo. O infrator (44), residente em Bonito foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 530,00.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (Contato – TENENTE CORONEL EDNILSON PAULINO QUEIROZ) tel. – 3357-1500

Publicado por: Ednilson Paulino Queiroz

Fonte: PM MS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo