NoticiasSaúde

Os cuidados com a saúde bucal das crianças

A qualidade da higienização com o primeiro conjunto dental pode impactar no nascimento dos dentes

A saúde bucal das crianças, muitas vezes, é negligenciada graças a algumas concepções erradas que são fruto dos ditados populares, como a ideia de que os dentes de leite não têm cáries ou que não precisam de muitos cuidados, pois já vão cair.

No entanto, a qualidade da higienização e a atenção com o primeiro conjunto dental pode impactar no nascimento dos dentes permanentes e na saúde geral da criança. 

Isso porque os dentes infantis são responsáveis pela nutrição, fala e até a respiração, bem como o posicionamento dos dentes permanentes e no descanso da língua.

Além disso, esses dentes – que começam a nascer a partir dos seis meses de idade – podem influenciar na disposição e no espaçamento do segundo conjunto dental, que vai surgir aos sete anos e permanecer com a criança pelo resto da vida adulta.

Por isso, é preciso compreender como a saúde bucal impacta na vida e no desenvolvimento dos pequenos e quais são as repercussões na vida adulta desses indivíduos, onde pode ser necessária a consulta do valor de um implante dentário.

A necessidade de uma boa saúde bucal na infância

O cuidado com os dentes de leite, ou dentes decíduos, é fundamental para a formação da arcada dentária da criança, para o espaçamento entre os dentes e até o estímulo para o desenvolvimento ósseo facial.

Esse cuidado pode ser primordial para garantir a integridade dos ossos maxilares, que, no futuro, podem ser necessários para a aplicação de um implante dentário, por exemplo.

Na verdade, muitos elementos podem influenciar a saúde bucal durante esse período.

Os costumes de higiene, a qualidade da alimentação, o tipo de amamentação e até os hábitos do bebê podem definir como a arcada dentária permanente será formada.

É durante a primeira infância que os fatores ambientais são capazes de ditar a necessidade do uso do aparelho invisivel durante a adolescência ou até na vida adulta, por exemplo.

Isso porque o costume chupar o dedo, chupetas ou de tomar mamadeira pode alterar o padrão de crescimento da arcada dentária e culminar em problemas com o encaixe da mordida e nos casos de mordida aberta.

Além disso, o cuidado inadequado da higiene bucal infantil pode causar complicações com doenças bacterianas, como a cárie, necessitando que o dentista remova aquele dente antes do momento necessário.

Acontece que os dentes decíduos são necessários para marcar o espaço em que os permanentes devem ocupar no futuro. 

Quando um dente de leite cai antes da hora – e isso pode ocorrer por diversos motivos –, os próximos dentes começam a nascer apinhados ou com diastemas, bem como podem sofrer para romper a gengiva, aparecendo em posições diversas.

Esse tipo de problema deverá ser tratado com o uso do aparelho dental invisivel ou outros tipos de aparelhos ortodônticos, quando a criança estiver maior, preferencialmente após a troca da dentição.

Como manter os dentes das crianças saudáveis

Por isso, a prevenção é a melhor forma de cuidar do bem-estar do seu bebê e evitar complicações em sua formação. Confira a seguir algumas formas de cuidar da saúde bucal dos pequenos.

Ensinar a criança a realizar a higiene bucal

Evitar o aparecimento de cáries depende de uma boa higiene bucal. E fazer com que a criança esteja acostumada com a rotina de escovação é crucial para a garantia de dentes bonitos e fortes.

Por isso, utilize músicas, brinquedos e, principalmente, ensine-as a realizar a escovação correta, sozinhas, enquanto criar bons momentos para a fixação do hábito.

É importante que esse processo sempre ocorra com a supervisão de um adulto para garantir a qualidade, mas também que elas aprendam a fazer por si mesmas.

Usar as ferramentas adequadas

As escovas de dente utilizadas nesse estágio precisam seguir a idade de cada criança. Isso porque o seu tamanho precisa ser confortável para se encaixar tranquilamente na cavidade bucal das crianças.

Além disso, todas as escovas devem ter cerdas macias para que não machuquem as gengivas e bochechas. 

Já o uso do fio dental deve ser obrigatório, após os dois e três anos, quando todos os vinte dentes já terminaram de nascer.

O creme dental precisa conter flúor em sua composição e ser específico para o uso infantil, já que esses têm um sabor mais agradável para as crianças e isso pode ajudá-las a se adaptar mais facilmente as rotinas de higiene.

A pasta de dente só deve ser usada quando a criança aprender a não engoli-la e deve ser moderada para não causar manchas nos dentes, sendo indicada a quantidade equivalente a um grão de arroz.

Isso porque o excesso de flúor é o que mais causa o escurecimento dos dentes de leite e dos dentes permanentes, durante a infância, podendo ocasionar até a perda dental a longo prazo.

Esse tipo de mancha só pode ser removido no futuro e o quanto custa um clareamento dental pode variar muito de acordo com a extensão das manchas e o processo escolhido.

A importância da alimentação

A alimentação é essencial para todo o desenvolvimento infantil, mas o consumo de uma dieta mais equilibrada e natural é especialmente benéfica para a saúde bucal das crianças. 

Isso ocorre porque esses alimentos ajudam no fortalecimento dos dentes, na proteção contra bactérias e no sistema imunológico.

Além disso, o consumo excessivo de fast food e comidas industrializadas mais macias impedem a realização da esfoliação dental, que é um processo natural necessário para que o dente de leite caia no momento adequado.

Por isso, dê preferência a frutas, legumes e vegetais que são mais agradáveis ao paladar infantil e ainda promovem a saúde bucal como:

  • Brócolis;
  • Cenoura;
  • Maçã;
  • Pera;
  • Espinafre.

O morango também é um alimento que as crianças adoram, faz bem para os dentes e ainda promove o clareamento dental natural. 

Uma observação nesse sentido é que é importante que essas frutas sejam comidas sem adição de açúcar e que elas promovam a mastigação.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo