AL MS

INVERNO: RÁDIO ALEMS FALA DOS CUIDADOS REDOBRADOS PARA EVITAR DOENÇAS RESPIRATÓRIAS

O otorrinolaringologista Bruno Nakao é o entrevistado desta edição do programa Vida Saudável

Comum nos meses de outono e inverno, a baixa umidade do ar reduz a hidratação dos pulmões, agravando a situação de quem tem problemas respiratórios. Especificamente, neste ano, é vivenciado um cenário de pandemia de Covid-19 em que, mais do que nunca, os cuidados preventivos devem ser colocados em prática. Sobre esse tema, o Programa Vida Saudável da Rádio Assembleia, que vai ao ar nesta sexta-feira (9), conversa com o médico otorrinolaringologista Bruno Nakao.

O otorrinolaringologista, durante o bate-papo, conta que as doenças mais comuns nesta estação são: gripe, rinites alérgicas, asma e bronquite. “Os casos neste período aumentam por conta da tendência de aglomerações e também porque a exposição à temperatura baixa tende a aumentar a formação de secreções nasais e, consequentemente, o paciente pode apresentar tosse e obstrução nasal”, explica o médico.

Nakao ainda fez um alerta a população, destacando que é necessário prestar atenção aos sintomas, pois há semelhanças entre sintomas de doenças respiratórias e os da Covid-19. “A grande maioria das pessoas que apresenta a doença do novo coronavírus, assim como de outros vírus respiratórios, tendem a ter quadros de congestão nasal, coriza e espirros. De forma mais intensa, pode apresentar febre alta e dores no corpo. Porém, em casos severos, evoluem com tosse e falta de ar, e, apresentando estes dois últimos sintomas, deve-se procurar ajuda imediata, seja com o médico de confiança ou através do pronto-socorro”.

O programa Vida Saudável é transmitido pela Rádio Assembleia com uma edição por semana, sempre às segundas-feiras e retransmitido durante toda a semana. Acompanhe as edições do programa, clicando aqui.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar