AL MS

ORDEM DO DIA: INCENTIVO À DOAÇÃO DE SANGUE E MEDULA ÓSSEA É APROVADA EM 1ª

Quatro propostas foram aprovadas durante a Ordem do Dia desta terça-feira

Entre as quatro matérias analisadas durante a Ordem do Dia desta manhã (14), dois projetos de autoria do deputado e presidente Paulo Corrêa (PSDB) foram aprovados pelos deputados estaduais da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS). A primeira sessão plenária da semana foi realizada novamente por teleconferência.

Em primeira discussão, foi aprovado o  Projeto de Lei 81/2019, que institui o mês do Doador de Sangue e Medula Óssea, a ser comemorado anualmente no mês de abril, em todo o Estado de Mato Grosso do Sul. A proposta segue à segunda discussão e votação pelos parlamentares. Já o Projeto de Lei 14/2020, foi analisado em segunda discussão. A proposta, que denomina “Ovídio Paulo de Oliveira” e “Frida Garzella dos Santos” trechos da Rodovia MS 382 e segue à Redação Final, última votação em Plenário.

Também em primeira discussão foram apreciados e aprovados o Projeto de Lei 25/2020, de autoria do deputado Renato Câmara (MDB), que institui no Estado o Dia Estadual do Feirante, e o Projeto de Lei 11/2020, de autoria do Poder Judiciário, que modifica e acrescenta dispositivos à Lei 3.310, de 14 de dezembro de 2006 – Estatuto dos Servidores Públicos do Poder Judiciário do Estado de Mato do Sul. Na prática, a proposta cria indenização por serviços realizados durante as férias. Ambas propostas seguem para a segunda votação em plenário.

Normas

Jornalistas entrevistaram deputado Herculano atendendo às normas de segurança

Paulo Corrêa ressaltou que as atividades da ALEMS estão obedecendo normas estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para diminuir a possibilidade de contágio pela Covid-19. “A Casa de Leis iniciou ontem [13] de forma gradativa as atividades presenciais, com apenas dois funcionários por turno nos gabinetes e 5 nas secretarias. Faremos uma nova avaliação após esses dias para ver como proceder. Desde ontem todos os nossos funcionários estão passando pelos médicos que compõem a Junta Médica desta Casa de Leis, assim estão sendo liberados para trabalhar com total segurança. Agradeço a todos pela compreensão e trabalho”, ressaltou o presidente.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo