Publicidade
Publicidade

Política

Sobre a vida política.

TOFFOLI REJEITA AÇÃO CONTRA EXTINÇÃO DO MINISTÉRIO DO TRABALHO

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, rejeitou hoje (9) pedido feito pela Federação Nacional dos Advogados para suspender a decisão do governo federal que exinguiu o Ministério do Trabalho e determinou a redistribuição das atribuições da pasta entre outros ministérios.  Saiba mais…

DEPOIS DA ‘DESPETIZAÇÃO’, ONYX AGORA PROPÕE ‘REVOGAÇO’

Uma semana depois de anunciar que iria “despetizar” a Casa Civil, o ministro Onyx Lorenzoni afirmou que o governo deverá fazer um “revogaço”.

Ao chegar para uma reunião com o ministro Paulo Guedes (Economia), ele afirmou que o presidente Jair Bolsonaro pediu aos 22 ministros que eles apresentem uma lista de leis que devem ser revistas. Saiba mais…

POLÍCIA FEDERAL VAI AMPLIAR SEGURANÇA DO MINISTRO SERGIO MORO

O presidente Jair Bolsonaro determinou que a Polícia Federal reforce a segurança do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e de seus familiares. A decisão foi publicada nesta terça (8), em edição extra do Diário Oficial da União. Saiba mais…

BOLSONARO RECEBE PROPOSTA PARA COMBATER FRAUDES E PRIVILÉGIOS NO INSS

Equipe econômica apresentará esboços para reforma da Previdência

No esforço de reduzir os prejuízos na Previdência Social, o governo vai agir em duas frentes. O ministro da Economia, Paulo Guedes, apresenta hoje (9) ao presidente Jair Bolsonaro o texto de uma medida provisória (MP) antifraudes no Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), que visa diminuir de R$ 17 bilhões a R$ 20 bilhões as perdas até dezembro. Saiba mais…

WITZEL DIZ QUE RIO NÃO TERÁ DINHEIRO ATÉ JULHO E DEFENDE CASSINOS

O governador do Rio, Wilson Witzel, alertou hoje (8) que o estado poderá chegar em julho sem dinheiro suficiente para honrar os compromissos e defendeu a legalização do jogo no país, como uma forma de gerar recursos. Ele participou, nesta terça-feira, da posse do novo procurador-geral do estado, Marcelo Lopes. Saiba mais…

BOLSONARO ANALISA REFORMA DA PREVIDÊNCIA NA PRÓXIMA SEMANA, DIZ ONYX

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse ontem (8) que o presidente Jair Bolsonaro deve definir na semana que vem os principais itens da reforma da Previdência. Ele deve analisar o assunto antes da primeira viagem internacional como chefe de Estado, para o Fórum Econômico Mundial, que ocorre em Davos, na Suíça, a partir do dia 22. Saiba mais…

MULHER E FILHAS DE QUEIROZ NÃO COMPARECEM AO MINISTÉRIO PÚBLICO

Defesa argumenta que elas acompanham o ex-assessor após cirurgia

As filhas e a mulher do ex-policial militar e ex-assessor parlamentar Fabrício Queiroz não compareceram ao Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro (MPRJ) ontem (8), pois se encontram em São Paulo, acompanhando a recuperação dele. Queiroz informou ao MP que foi submetido a uma cirurgia para retirada de um tumor maligno no intestino. Saiba mais…

JUSTIÇA CONDENA ROSINHA GAROTINHO POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA

A Justiça do Rio condenou a ex-governadora Rosinha Garotinho por ato de improbidade administrativa em ação civil pública movida pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 6ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Cidadania da Capital. Saiba mais…

DECRETO QUE FLEXIBILIZA ARMAS PODE SAIR NOS PRÓXIMOS DIAS

Informação é do ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou hoje (8) que na próxima semana o decreto que flexibiliza a posse de armas de fogo deve estar pronto. O assunto foi tratado pelo presidente Jair Bolsonaro durante reunião ministerial na manhã desta terça-feira no Palácio do Planalto. Saiba mais…

GOVERNO NÃO PENSA EM INTERROMPER NEGOCIAÇÃO SOBRE EMBRAER

Após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) levantar dúvidas sobre a fusão entre Embraer e Boeing, o ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), general Augusto Heleno, afirmou nesta segunda-feira (7) que o governo não pensa em interromper o negócio entre as duas empresas. Saiba mais…